Métodos da Partição da Unidade para análise não linear de estruturas

  • -

Métodos da Partição da Unidade para análise não linear de estruturas


Métodos da Partição da Unidade para análise não linear de estruturas

Débora Coelho Cordeiro Pinheiro, Felício Bruzzi Barros, Roque Luiz da Silva Pitangueira, Samuel Silva Penna

XXXVII Iberian Latin American Congress on Computational Methods in Engineering , Brasília , 2016

Download file

Resumo

A Partição da Unidade (PU) pode ser obtida de diferentes maneiras. Ela pode ser baseada em malha, construída a partir do Reproducing Kernel Particle Method (RKPM) ou do Moving Least Squares (MLS). A PU pode também ser construída a partir de funções de Shepard, um caso particular das funções obtidas através do MLS. Nos métodos da Partição da Unidade, as funções de forma são construídas pelo produto da PU com funções de enriquecimento especialmente escolhidas. As funções de enriquecimento podem ser polinomiais, para aumentar a consistência da solução, não polinomiais, para modelar singularidades tais como fissuras, vazios, heterogeneidades, ou até mesmo numéricas. A propriedade da PU garante que combinações lineares das funções de forma pode representar qualquer uma das funções de enriquecimento empregadas. A performance dos métodos da PU é avaliada em um exemplo numérico de análise fisicamente não linear na plataforma INSANE (Interactive Structural Analysis Environment).