INSANE – Versão 2.0

  • -

INSANE – Versão 2.0


INSANE – Versão 2.0

Roque Luiz Pitangueira, Flavio Torres da Fonseca, Jamile Salim Fuina, Luciana Sampaio Camara, Marcos Torres da Fonseca, Reginaldo Lopes Ferreira, Renata Nicoliello Moreira, Samir Silva Saliba, Samuel Silva Penna

XXVII Latin American Congress on Coputational Methods in Engineering , Maceió , 2008

Download file

Resumo

Este artigo apresenta a versão 2.0 do INSANE (Interactive Structural ANalysis Environment), um sistema orientado a objetos para o Método dos Elementos Finitos. Apresenta-se o histórico, as premissas ideológicas e os requisitos tecnológicos do projeto de software livre que guia o desenvolvimento do sistema, destacando-se a escolha de Java como linguagem de implementação. A estrutura modular do sistema, na qual as diversas aplicações consomem serviços ofertados por estes módulos, é apresentada e a arquitetura de cada uma destas aplicações, baseada em uma combinação dos padrões de projeto de software orientado a objetos MVC, Command e Observer, é detalhada. Os projetos orientados a objetos dos módulos (serviços), das aplicações (consumidoras) e da interface gráfica que faz a integração das mesmas são detalhados, através de diagramas UML. Recursos para modelos do Método dos Elementos Finitos, tais como modelagem geométrica, geração de malhas, análise estática linear, fisicamente não-linear e geometricamente não-linear, análise dinâmica linear e geometricamente não-linear, visualização de resultados, processamento interativo, serviço e cliente WEB, novidades da versão 2.0, são então apresentados, agrupando-as através das relações consumidor-serviços (aplicação-módulos) e ilustrando-as através de exemplos.